voltar
Off-Road

Sertões 2020: SFI CHIPS reforça sua aposta no esporte, sobretudo no off-road nacional

Após desbravar o Brasil, passando por cinco estados e o Distrito Federal, a prova chega ao fim, com decisão emocionante nas areias do Maranhão


09 Nov 2020 news

Deve-se considerar: esse Sertões 2020 foi além de desafiador, diferente. Exigiu muito dos competidores e também da organização. A 7ª e última etapa chegou em Barreirinhas/MA, e os momentos de aventura ficarão na lembrança. E por mais um ano, mesmo com a crise de saúde que assola o mundo, a prova foi realizada com louvor, graças a persistência de quem a faz acontecer e também de marcas que estão presentes, pois acreditam no esporte. A SFI CHIPS é uma delas, foi a única patrocinadora da modalidade Regularidade, que inclusive teve seu nome. “Estamos há muitos anos no grid do Sertões levando a mais alta tecnologia para potencializar os veículos e sempre foi nosso melhor campo de testes, devido às situações extremas as quais os equipamentos são expostos. Mas esse foi nosso primeiro ano como patrocinadores do evento e, isso muito nos orgulha”, destaca Marcio Medina, diretor da empresa.

Entre as duplas que utilizam as soluções da SFI CHIPS estão os campeões das três categorias do Regularidade by SFI CHIPS: Sandra Dias (Barueri/SP) e Igor Quirrenbach (Castro/PR) # 411, da FD Rally Team, na categoria Master; Jeolayne Henrique Pinto/Tiago Vilaça, #408, da Inimigos do Asfalto, 1º lugar na Graduados; e Antônio Miranda Ribeiro Filho/Marcelo Almeida Novaes, #412, da FD Rally Team, vencedora da Turismo.

”Em meio a essa turbulência que estamos vivendo, estar aqui disputando o Sertões é um privilégio para poucos. Já estava muito grata por competir esse ano, diante de alguns problemas de saúde que superei e, agora, ser Campeã da Master é bom demais, veio coroar meu terceiro ano de parceira com Igor, meu grande navegador. Esse título dedico à toda Família FD Rally Team e principalmente para meu marido Glauber Fontoura”, diz Sandra que pilota uma Pajero Full e é, agora, tricampeã do Regularidade –  2020 (Master) e 2016/2017 (Turismo) – e segue como a única piloto mulher da modalidade.

O navegador Igor Quirrenbach conta: “Nossa expectativa era superar o resultado do ano passado e conseguimos neste nosso segundo ano competindo na Master no Sertões. Vencemos três das cinco etapas. Este último dia foi novamente longo e a prova foi um misto de balaios em reflorestamento, loteamentos e canaviais. Também tiveram trilhas e estradas rurais com várias pegadinhas e deu tudo certo. Estamos muito felizes com o resultado.”

Já o Campeão na Graduados, Henrique Pinto, mais conhecido como Pico, conta que a vitória não foi fácil. “Conquistamos o título de 2020 com muito sofrimento. Para-brisa todo estourado, viemos sem enxergar nada. Foi uma vitória estilo Sertões mesmo”, explica. “Nos dois primeiros dias, andamos bem. Mas no terceiro, quebrou a caixa de embreagem e ficamos só com a terceira e a sexta marchas funcionando. Nos outros três dias de prova pilotamos apenas com essas duas marchas”, completa o piloto de um Troller T4. A dupla venceu quatro etapas, e ficou em 2º em uma. “Nessas condições que andávamos, o remap e o pedal Euro Booster da SFI CHIPS, foram essenciais para o carro e para conquistarmos essa vitória. O pedal mais alto por exemplo foi fundamental”, conclui Pico. 

Essa é a primeira vez que o navegador Novaes participa da competição e a segunda vez de seu piloto Ribeiro Filho. “Nos entrosamos muito bem. Logo de cara já ganhamos as duas primeiras etapas da Turismo, então, só viemos administrando. Vencemos 7 das 10 etapas (foram realizadas duas por dia)”, conta o navegador. “A prova toda foi muito técnica, teve balaio, areia, barro, cascalho e todo tipo de piso. Exigiu muito de pilotos e navegadores e, ainda bem, que não tivemos nenhum problema com o carro. Não imaginava que fosse tão emocionante participar do Sertões.” A dupla competiu com um Troller T4.

O Regularidade by SFI CHIPS que exige coragem, raciocínio rápido, precisão e equilíbrio, teve 5 etapas (cada uma com duas provas) e 3 mil km de roteiro. Foram 20 duplas em três categorias (Master, Graduados e Turismo) e a largada foi em Brasília (DF), no dia 2, diferentemente da prova de Cross Country, que começou em Mogi Guaçu em 30/10.

Cross Country – A última etapa do Sertões foi também dentro do Maranhão, com areiões e a navegação por GPS nas dunas, com passagem obrigatória pelos waypoints determinados pela organização. As máquinas do Cross Country têm preparação diferenciada e precisam muito mais de motor, potência e torque para brigar pelas melhores posições, como é o caso do Can-Am Maverick X3 da dupla Denísio Nascimento/ Idali Bosse #201, que também tem a tecnologia de remapeamento de motor da SFI CHIPS. Os catarinenses venceram a 7ª etapa na geral dos UTVs (2h57min49). “Brigamos pela vitória na etapa e conseguimos. Finalizar o Sertões ganhando uma Especial como essa é maravilhoso. Hoje (7) era muita duna, areia, salto, e o Maverick X 3, superou tudo. Estamos felizes, agora é foco em 2021”, diz Nascimento, campeão de 2019 nos UTVs, que terminou esta edição em 6º no UTV1.

A 28ª edição do maior rali das Américas teve duas das sete etapas canceladas em função das condições climáticas. Participaram 63 Motos/Quadriciclos; 40 Carros, 55 UTVs; 20 Regularidade e 55 Light (nova categoria de 2020); e 56 equipes. No total foram 403 inscritos e 233 veículos, vindos de 21 Estados e o DF, representantes de 206 cidades brasileiras. O Sertões 2020 passou por cinco estados – São Paulo, Minas Gerais, Goiás, Tocantins e Maranhão – e o Distrito Federal; doando milhares de cestas básicas as comunidades, e oferecendo atendimento médico gratuito em algumas regiões.

SFI CHIPS – Empresa trabalha com desenvolvimento tecnológico focado em soluções customizadas, conhecidas como chip de potência, reprogramação de ECU ou chiptuning. Com 12 anos de atuação no mercado, tornou-se referência em desenvolvimento de reprogramações de alto desempenho, sobretudo no segmento 4X4. Com sede na capital paulista, atua nas linhas automotiva, pesada, agrícola e náutica e possui mais de 50 agentes autorizados pelo país. Incentivadora do esporte, a empresa patrocina e apoia pilotos, equipes, campeonatos e provas nacionais no Rally Cross Country, no Rally de Regularidade e na Copa Truck. Em 2020, a empresa patrocina a maior parte dos campeonatos e provas de Rali de Regularidade do país (Sertões, Transcatarina, Campeonato Paulista Off-Road, Novo Rally MG, Brasileiro de Rally Cup e Bandeirantes Rally Cup, entre outros).