Alimentos hipercalóricos: Saiba Tudo que Não te Contaram

Como o próprio nome sugere, alimentos hipercalóricos são aqueles repletos de calorias. No popular, significa que quanto mais caloria o produto possui mais energia ele vai fornecer pro seu organismo.

Normalmente, é mais comum vermos pessoas buscando dietas para emagrecimento, seja por questões de saúde ou simplesmente para se encaixar em algum padrão de beleza.

Nos alimentos hipercalóricos, estamos indo na contramão desse “padrão”. Aqui, o objetivo e desejo é ganhar peso. E aí que muitas dúvidas podem surgir.

Na mídia, internet e em quase todos os sites que se intitulam especialistas, é muito fácil encontrar dietas para perder peso. O caminho básico todo mundo já sabe: fazer uma reeducação alimentar e praticar exercícios.

Mas e o caminho reverso?

Você sabe o que fazer para ganhar peso? Porque a maioria das pessoas imagina que para ganhar peso é só sair comendo o que quiser, na quantidade que quiser que logo alcançará o objetivo.

Porém, as coisas não funcionam tão simples assim. Ou melhor, até que funciona assim, mas além do sobrepeso você vai conseguir levar junto uma algo que será prejudicial à sua saúde. Por isso é extremamente importante você saber o que você deve e o que você pode comer.

Ao falar de alimentos hipercalóricos, é comum já ver no rosto das pessoas uma expressão de alerta, já que associa-se imediatamente à ganho de peso. Isso porque quando você ingere muitos alimentos hipercalóricos, o seu organismo entende que aquelas calorias que você ingeriu mais do que seu corpo precisa deverão usadas para gerar energia.

Nesse caso, o organismo “guarda” esse excesso para utilizar num momento futuro. O grande problema é que esse “estoque” fica localizado no tecido adiposo em áreas que são conhecidas como gorduras localizadas.

Alimentos hipercalóricos

Só que você deve se perguntar: mas porque então consumir alimentos hipercalóricos?

Existem alguns perfis que precisam consumir esse tipo de alimento.

Atletas de alta intensidade, por exemplo. Eles possuem um gasto energético muito elevado. Eles necessitam consumir alimentos hipercalóricos para suprir a quantidade de energia que gastam nos treinos diários.

Essa carga de treinos diária, eleva o consumo energético do organismo, assim o consumo de alimentos hipercalóricos na dieta deles é quase que indispensável. Caso não ocorresse, eles teriam seriam problemas de saúde relacionados à gasto energético maior que o consumido.

Mas além dos atletas, existe um grupo específico de pessoas que tem o funcionamento metabólico diferente da maioria. Esse grupo é chamado de ectomorfo.

Na prática, o metabolismo do corpo deles é mais acelerado que o normal, consequentemente haverá a queima de calorias de forma mais rápida. Justificando assim que eles façam a reposição energética em grandes quantidades, para evitar que o corpo sofra com a falta de energia.

Além destes, também existem pessoas que desejam ganhar peso mas tem dificuldade em alcançar esse objetivo. Elas podem fazer uso constante de alimentos hipercalóricos.

 

E como fazer uma dieta hipercalórica?

Tão qual uma dieta para perda de peso, para fazer o inverso você também precisará de foco e disciplina. Como falei antes, não adianta sair comendo tudo pela frente e além do aumento de peso ganhar de brinde um problema de saúde.

Algo em comum à dieta de perda de peso, é que você deve alimentar-se a cada 3 horas e manter uma regra, que idealmente deverá ser feita com o auxílio de um nutricionista.

Durante o dia você pode abusar dos carboidratos, já que estes normalmente possui um número elevado de calorias. Nesse ponto, aproveite para dar preferência aos carboidratos integrais.

Se você quer ganhar peso de forma saudável, o ideal é: fazer atividade física. Isso mesmo. Você não leu errado. Automaticamente nós pensamos que ganhar peso só pode ser de forma flácida e excedendo o limite das gorduras localizadas.

Você está errado se pensa dessa forma. Você aliando o consumo de alimentos hipercalóricos com uma rotina de exercícios, você vai ganhar peso de forma saudável já que vai ganhar em forma de massa magra.

Alimentos hipercalóricos

Quais alimentos consumir?

Como já foi falado, não adianta se entupir de alimentos hipercalóricos mas que não são saudáveis. O objetivo é ganhar peso de forma tranquila. Então vamos listar alguns alimentos que devem participar da sua dieta.

– Ovos: saudável e calórico. Só tenha atenção que se você tirar a gema, as calorias também sairão. São grandes fontes de gorduras boas pro organismo e proteína em qualidade elevada.

– Leite integral: é um excelente alimento calórico, além de fornecer cálcio e outros micronutrientes.

– Arroz branco: ótimo para quem quer ganhar massa muscular e peso. Como pode ser consumido junto com outros alimentos, ele não vai pesar tanto no seu estômago. Se optar pela versão integral tenha cuidado, pois as fibras contidas nela podem reduzir seu apetite.

– Pasta de amendoim integral: é a queridinha por aqueles que consomem hipercalorias. Apenas uma colher já é suficiente para fornecer calorias acima da média de outros alimentos equivalentes.

– Carne vermelha: não podem faltar numa dieta a base de hipercalorias. Aqui você vai conseguir uma quantidade completa de proteínas, zinco, vitaminas e creatina. Diferente do frango e do peixe, que possuem menos calorias além de saciar mais rápido.

– Frutas secas: podem ser consumidas mas com um pouco de atenção, já que possuem grande quantidade de açúcar.

– Abacate: pode ser bastante versátil, já que você pode incluí-lo no omelete, shake e até sanduíches, assim evita aquela sensação de estar comendo sempre a mesma coisa. Ele é indicado por possuir uma grande quantidade de calorias por cada porção consumida.

– Queijos: todos os tipo de queijo fornecerão grandes quantidades de calorias. Como o abacate, tem uma versatilidade que favorece sua inclusão na dieta de forma mais aceitável.

Assim, é possível ver que o consumo de alimentos hipercalóricos não pode ser associado a perda de saúde ou a ganho de peso de forma desenfreada. Havendo um pouco de dedicação e foco, é possível consumi-los de maneira saudável e aliada a manutenção da qualidade de vida.

Não é necessário comer mal para ganhar peso, mas sim aliar o ganho de peso com uma alimentação balanceada com o seu propósito.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *