voltar
Fórmula 1

Você lembra? Há 10 anos McLaren era condenada por espionagem

13 Set 2017
Motorsports / Formula 1: World Championship 2007, GP of USA ,  2 Lewis Hamilton (GBR, Vodafone McLaren Mercedes), 
 1 Fernando Alonso (ESP, Vodafone McLaren Mercedes),  *** Local Caption *** +++ www.hoch-zwei.net +++ copyright: HOCH ZWEI / Michael Kunkel +++

No dia 13 de setembro de 2007, a escuderia de Fórmula 1 McLaren foi condenada a pagar 100 milhões de dólares e perdeu 166 pontos no Mundial de Construtores por espionagem, pelo Conselho Mundial da Federação Internacional de Automobilismo.

O engenheiro Nigel Stepney, ex-funcionário da Ferrari, foi acusado de enviar ao amigo Mike Coughlan, da McLaren, informações sigilosas da escuderia italiana. E-mails trocados entre Fernando Alonso e Pedro de la Rosa confirmam a história.

A Federação Internacional de Automobilismo condenou a McLaren. Entretanto, os pilotos da escuderia, que lideravam a competição individual, mantiveram os pontos conquistados.

Pivô do escândalo de espionagem que envolveu McLaren e Ferrari na temporada 2007 da Fórmula 1, o ex-mecânico inglês Nigel Stepney morreu no dia 2 de maio de 2014, aos 56 anos, vítima de um acidente de carro no condado de Kent, sul da Inglaterra. De acordo com a polícia, o veículo dirigido por Stepney se chocou contra um caminhão, provocando sua morte no local.

bannernewsracer

Parceiros

  • prime
  • astrus