voltar
bannernewsracer
Stock Car

Uma troca em nome da conscientização

No dia mundial sem carro, a Stock E-Bike foi realizada na tarde deste sábado no interior de São Paulo


23 Set 2018 stockbikes newsBANNER1

A Stock Car aderiu, no sábado (22) ao Dia Mundial Sem Carro, e de uma maneira inusitada por se tratar de esporte a motor: os pilotos da principal categoria do automobilismo brasileiro permaneceram de macacão e capacete, mas vem vez de acelerar a quase 300 por hora, eles pedalaram bicicletas por uma versão mais curta do circuito do Velo Città, em Mogi Guaçu (SP).

Cada equipe participante formou sua dupla de pilotos para a disputa na pista, que teve largada no estilo Le Mans (com os pilotos atravessando a pista em direção às bicicletas).

No fim das duas voltas de competição, a vitória ficou com a dupla da Eurofarma RC, formada por Daniel Serra e por seu engenheiro Joselmo Barcick, o Polenta. Em segundo ficaram os pilotos da Prati-Donaduzzi, Julio Campos e Antonio Pizzonia, com Bruno Baptista e Lucas di Grassi cruzando em terceiro pela Hero Motorsport. A comemoração teve pódio e estouro de champanhe.

“É muito mais fácil no carro. Nós somos competitivos: até na brincadeira a gente quer ganhar. Foi muito legal. Mas eu me matei no começo, e a gente sai empolgado na descida e quando chega a subida já demos tudo. A causa foi muito bacana, e também ajudou os pilotos a dar uma descontraída”, afirmou Serra.

A Stock E-Bike foi um evento organizado pela Stock Car e que contou com apoio da CBMM (Companhia Brasileira de Metalurgia e Mineração) e da EDG, que forneceu as bicicletas do modelo Niobium e-Bike.

Para Rodrigo Amado, Gerente Geral de Mobilidade da CBMM, o envolvimento na causa é altamente positivo. “Foi exatamente como a CBMM vem trabalhando, com modalidades diferentes de mobilidade, e a gente não acredita somente em uma única tecnologia; nós acreditamos em uma mistura de tecnologias e regiões as utilizando. Isso foi uma amostra do que vai ser no dia a dia, na rotina das pessoas. Adoramos a ativação, e gostei que os pilotos aderiram à ideia. O ambiente da Stock Car é muito competitivo, mas ao mesmo tempo bastante amigável, ainda mais em um lugar maravilhoso como este que foi escolhido a dedo para realizarmos a Stock E-Bike”, elogiou.

“Como principal categoria do automobilismo nacional, onde um dos protagonistas é o carro, a gente não podia ficar de fora de uma ação inusitada como essa no Dia Mundial Sem Carro”, destacou Rodrigo Mathias, CEO da Stock Car. “Então, temos que incentivar outros meios de mobilidade. A ideia foi trazer aqui e promover uma corrida de bikes com os pilotos, as equipes, onde eles podem se confraternizar e a categoria se mostrar também de uma outra forma, mais interativa, todo esse relacionamento e universo, que normalmente é feito dentro dos carros, agora em cima das bicicletas”, seguiu.

Para Fabio Guillaumon, CEO da EDG, que forneceu as bicicletas, feitas em nióbio, para a corrida, foi interessante acompanhar de perto toda a competitividade dos pilotos na disputa. “Para nós foi uma sensação de extrema satisfação em ver como o evento todo se desenrolou com a corrida, ver a competitividade limpa dos pilotos e principalmente o desejo deles em ganhar a bicicleta. Para nós, conseguir introduzir como essa no meio automobilístico foi realmente uma experiência muito interessante para todos”, comentou.

Resultado – Stock E-Bike:
1. Eurofarma RC – 2 voltas em 5min01s982
2. Prati-Donaduzzi Racing – a 4s809
3. Hero Motorsport – a 5s941
4. Bardahl Hot Car – a 8s125
5. Cimed Chevrolet Racing Team – a 10s001
6. Cavaleiro Sports – a 12s530
7. Ipiranga Racing – a 13s608
8. Vogel Motorsport – a 15s232
9. Blau Motorsport – a 21s472
10. Eisenbahn Racing Team – a 28s356
11. Full Time Sports – a 28s715
12. Cavaleiro Contuflex – a 37s872
13. Cimed Chevrolet Racing – a 38s982
14. Full Time Bassani – a 48s187