voltar
bannernewsracer
Rally

Fãs comemoram a volta da cidade ao calendário do Brasileiro de Rally de Velocidade


12 Fev 2020 entrevista-bruno-destaque newsBANNER1

Nos dias 13 e 14 de março, Pomerode (SC) vai abrir o calendário do Campeonato Brasileiro de Rally de Velocidade. Se os competidores já estavam com saudades, não é diferente para o público do Vale do Itajaí. Com o anúncio do evento nos meios digitais, fãs de outras regiões já estão se programando para ver tudo de perto, aproveitando para conhecer os encantos da cidade mais alemã do Brasil. Conversamos com Bruno Kurth, morador de Pomerode, que conta mais sobre a sua relação com o evento da cidade.

Muito diferente do automobilismo de pista, o rally é um esporte inclusivo, que convida a população a participar torcendo pelos competidores. As disputas são em estradas secundárias dos municípios, fechadas e monitoradas durante as passagens.

“A primeira vez que vi um rally foi em 2005 aqui em Pomerode, era um sábado de manhã chuvoso, já tínhamos ouvido propagandas no Rádio e TV e não demos muita bola, mas quando escutei o primeiro Mitsubishi Lancer passar em deslocamento na frente de casa, corri para acordar meus pais para assistir o rally, foi uma experiência incrível ver esses carros voando pelas ruas do Ribeirão Luebke e Wunderwald, ficamos até a noite para o Super Prime, me lembro como se fosse ontem, o ronco dos carros, o cheiro do combustível, conhecer de perto vários pilotos, e desde então me apaixonei pelo esporte”, lembrou Bruno, que vai comemorar seu aniversário de 24 anos na edição deste ano, no dia 12 de março.

Diferente de muitos esportes, no rally a torcida é convidada a visitar os boxes das equipes! A família de Bruno acompanha os bastidores do Rally de Velocidade há mais de 10 anos.

Para um fã de rally, as preferências do Bruno não fogem a regra: “Escutar de longe eles acelerando é arrepiante, mas o que mais me fascina são os trechos técnicos, as curvas, os carros saindo de lado, não tem coisa mais satisfatória de se ver, tento olhar sempre as técnicas de cada piloto, como se fosse uma aula de pilotagem”.

Depois de muitas “aulas” e sessões de torcida no barranco, ele dá as suas dicas: “Sempre tento me posicionar num local que eu me sinta seguro, que eu tenha visão da estrada, sempre respeitando qualquer risco. Se for fazer um churrasco e tomar um chopp, não dirija ou tente se exibir, pois além de colocar sua vida em risco, poderá colocar a vida de inocentes em risco, deixe os competidores darem esse show de pilotagem para o público”, enfatizou.

Sobre o seu planejamento para aproveitar o evento do início ao fim, Bruno também tem a receita. “Sempre tento me programar para não perder nada, faço compras, vou ao centro e demais cidades para resolver os afazeres e tudo mais, tudo isso na semana que antecede o evento, assim consigo curtir o evento com minha família e amigos sem ter problemas em sair no meio da prova”.

Ele também lembrou do aparato de segurança que acompanha as provas: “Caso aconteça uma emergência, tente sempre procurar um ponto de controle mais próximo (são vários ao longo dos trechos) para ajudar ou chamar os bombeiros, eles farão de tudo para ajudar você”. Quem começa a gostar de rally, sabe que o “vício off-road” é para sempre! Hoje Bruno também participa dos eventos do Jeep Clube de Pomerode Além do rally, que será disputado entre a sexta a noite e sábado, Bruno também deixou as suas dicas das atrações na cidade.

“Pomerode está crescendo muito no quesito turismo e gastronomia, vale muito conhecer de pertinho essa cidade e seus pontos turísticos. A famosa Rota Enxaimel com casas de mais de 100 anos que fazem parte do história da cidade, provar as deliciosas cucas caseiras, degustar as melhores cervejas artesanais, conhecer o Museu do Automóvel e o Museu Mundo dos Brinquedos, além das Praças da cidade. Aproveitando a oportunidade, fica o convite para todos conhecerem a 12º Osterfest (12 de março a 12 de abril), junto do Maior ovo e árvore de páscoa do mundo!”.