voltar
bannernewsracer
Rally

Equipe gaúcha já projeta próxima etapa do Brasileiro de Rali

Quebra mecânica na etapa paulista não estava nos planos da Nova Itália RS Rally


27 Jul 2018 carbonera125 newsBANNER1

As quinta e sexta etapas do Campeonato Brasileiro de Rali, realizadas no último final de semana, em Lençóis Paulista, SP, tinha tudo para voltar a aproximar a equipe gaúcha Nova Itália RS Rally Team da liderança da competição. No entanto, uma quebra no motor do Fiat Palio fez com que os planos se alterassem com um abandono não previsto.

O piloto Evandro Carbonera, que tem como navegador Juliano Gracioli, lamentou o abandono prematuro na etapa, ainda no primeiro dia de corrida. “Vínhamos em um bom ritmo, numa prova bem diferente para nós, com longas retas, em meio a plantios de eucaliptos, o que exigia muita concentração. A expectativa era fazer uma boa prova, mas infelizmente aconteceu a quebra. Agora é consertar o carro e partir para a próxima etapa e somar os pontos que não conseguimos aqui”, salientou o piloto.

Cada cidade recebe uma rodada dupla do Brasileiro de Rali. E a próxima prova acontecerá na cidade de Rio Negrinho, SC. Assim como em Lençóis Paulista, esta será mais uma corrida inédita na temporada 2018 do nacional. As sétima e oitava etapas acontecerão entre os dias 14 e 15 de setembro.

Ação social

Ainda em Lençóis Paulista, a equipe Nova Itália RS Rally realizou ainda ação social junto à prefeitura da cidade. O chefe de equipe, Lucas Loss foi recebido pela coordenadora da Secretaria de Assistência Social, Darlene Eloisa de Souza.

Durante o encontro, foi entregue à coordenadora o guia Rally Experts, uma ação da equipe gaúcha que pretende estimular a prática de exercícios físicos na terceira idade. “Ficamos muito felizes em receber este guia, certamente estaremos aplicando nas ações que realizamos ao longo do ano com nossos integrantes dos projetos voltados à terceira idade”, salientou Darlene.

A equipe Nova Itália RS Rally Team, do Automóvel Clube de Severiano de Almeida – Acsa – compete no Brasileiro de Rali com patrocínio da Cavaletti Cadeiras Profissionais/Cassul Distribuidora, com financiamento da Secretaria de Estado da Cultura, Turismo, Esporte e Lazer, por meio do Pró-esporte RS – Lei de Incentivo ao Esporte e apoio de Lussani Terraplanagen e Lorenci.